E foi-se fazendo a luz...

As coisas estão melhorando para mim. Tô começando a achar que os problemas novos possam suplantar os velhos. Estou resolvendo pendências e depois sairei em busca de um novo emprego. Quando eu pedir as contas do atual, direi o mesmo que o corvo no poema de Edgar Allan Poe: "Nunca mais!". Não falarei nem tchau.

Hoje foi um dia um pouco cansativo... Sou professora, mas não sou histérica e não gosto de ficar gritando /anamara off. E, encare-se a realidade, muitos alunos só obedecem e respeitam na base do grito, da ameaça, das "tiradas" grosseiras e vulgares. Conclusão: sou eu quem tem de procurar uma alternativa. Porque gritar, me descabelar, ficar com a garganta doendo, eu não vou. É pegar as classes problemáticas e separar os alunos que mais dão dor de cabeça. E não se pense mais nisso!

Credo: outro dia um amigo meu sustentou que "dar aula em escola pública é como querer ensinar num presídio". Ele não está exagerando muito, não... Às vezes, me dá os cinco-minutos e eu falo para os meus alunos que eu sou professora de Português, APENAS isso, que não sou babá (para ficar cuidando dos outros), nem policial (para ficar vigiando os alunos). Hehehehe, espero que eles se lembrem disso, de vez em quando.

De mais a mais, não tenho nenhuma dica de música ou livro interessantes. Continuo adorando Lady Gaga e nada mais.

Beijos!
(E NÃO ao sentimento de ir para a forca antes de sair para o trabalho!)

11 comentários:

Desabafando disse...

É ruim demais ir pra um emprego onde vc não tem a mínima vontade de estar ou onde as condições são tão ruins e desgastantes assim...a primeira coisa foi o que me levou a demissão. Há horas em que precisamos mesmo mudar de ares, até pra que nossa vida ganhe qualidade.

Lamentável ver que alunos agem com tanta falta de respeito...mas sei bem que é assim mesmo. Tirei licenciatura em Artes e fiz estágio num colégio público...era um povo desinteressado, mal educado, revoltado que era frustrante. Depois eles ainda colocam a culpa no professor por não aprender nada né?

Le Vautour disse...

Que pena não se haver concretizado ainda o sonho do Prof. Domenico di Masi, do ócio criativo na sociedade pós-industrial.
Se se trabalha com prazer, com oportunidade de estudar, havendo chance para o crescimento, havendo reconhecimento, o trabalho rende mais, a pessoa fica bem, além de outros benefícios; contudo, a escola pública - concordo com o seu colega - é um antro: não se respeita mais o professor, o comportamento dos alunos é limítrofe, a insatisfação é generalizada, e o governo desta b*sta de país se esquece de que a educação é (ou melhor, deveria ser) o eixo de toda civilização.
Lamento. Lamento mesmo.

Dama de Cinzas disse...

Ser professora não é algo fácil, eu sei porque me casei com um professor, ou ele virou, no meio do casamento, professor... eheh...

Quanto a gritar... Acho que quanto mais a pessoa ouve gritos mais ela reage negativamente... Eu me lembro de uma professora no primário, que ela só olhava pra gente e tínhamos maior medo. Nunca vi aquela mulher gritar, mas ela tinha uma forma de se impor só olhando, que aquietava qualquer sala... todos na escola a conheciam por essa característica...

Beijocas

Ludi disse...

Pior que os pais acham que a educação tem que partir da escola, não de casa. O fim!
Eu sonho com o dia que pedirei demissão do meu trampo...
Boa sorte pra nós!
Também tenho adorado Lay Gaga. Li que ela vem no Brasil esse ano, to querendo ir!
Beijão

Juliana Pires disse...

Eu quero muito ser professora mas quero dar aula para adultos em faculdade, se um dia eu conseguir espero não ter que gritar e me descabelar, rsrsrs..

Beijos

Vladir Duarte disse...

Tomara que vc encontre logo um emprego que lhe dê prazer... Trabalhar aonde não se gosta é pessímo para a vida, é como jogar os dias pela janela.

Valeu!

Thay disse...

Tomara que voce encontre um trabalho que voce goste, e lhe de praser naquilo que voce faz!
Pedi as contas do meu a uns dias atras!
Amavaaa ele apesar de ser meio puchado!
Mas acho que nao era valorizada e isso me feria aindaa mais...
torçoo por voce!

Bjaooo

Thay disse...

Tomara que voce encontre um trabalho que voce goste, e lhe de praser naquilo que voce faz!
Pedi as contas do meu a uns dias atras!
Amavaaa ele apesar de ser meio puchado!
Mas acho que nao era valorizada e isso me feria aindaa mais...
torçoo por voce!

Bjaooo

Dany disse...

Não deve existir coisa pior que fazer o que gosta em um lugar que nnão gosta! Torcendo por vc... e pra que seus alunos sejam melhores do que os que vc tem! =D
Bjos

Maldito disse...

São essas coisas que fazem a gente se sentir vivo!

Otávio disse...

Nevermore nevermore... rs nada como pedir a conta com outro emprego em vista, nem q pra isso a gente precise pagar o aviso prévio em dinheiro! rs

Um beijo!

 
designed by suckmylolly.com